Comunicado | 18 de Julho de 2019

Comunicação UF Queluz BelasInformações úteis

Na noite de 13 para 14 de Julho ocorreram em Queluz confrontos entre grupos que envolveram mais de uma centena de pessoas, vindas de vários locais.

A PSP teve uma intervenção imediata, com diversos elementos e fez detenções, tendo um agente sofrido ferimentos no decurso dos tumultos.

Foram atos graves, censuráveis e repudiáveis os que foram perpetrados e que geraram uma onda de insegurança.

A Junta de Freguesia de Queluz e Belas repudia todo e qualquer ato que coloque em causa o direito à liberdade e à integridade física.

A Junta de Freguesia reconhece o esforço da PSP de, com os escassos elementos de que dispõe, atuar para manter a ordem pública com o mínimo de segurança para os seus próprios agentes que, inclusive, nessa mesma noite, tiveram de se distribuir por outras freguesias do Concelho com situações idênticas mas não tão graves.

A Junta de Freguesia tem vindo a agilizar com a PSP e a Câmara Municipal de Sintra medidas para proceder ao encerramento de estabelecimentos em infração à lei e ordem pública e a uma atuação pronta, eficaz e eficiente para acabar com festas na zona urbana não licenciadas por qualquer autoridade.

Mas entendemos que o sistema de videovigilância para o Pendão, no âmbito do Contrato Local de Segurança, proposto pela Junta de Freguesia, assegurará a prevenção e repressão de comportamentos contrários à lei, devolvendo à população o devido sentimento de segurança.

Na sequência dos acontecimentos referidos, a Câmara Municipal de Sintra já anunciou publicamente a implementação de diversas medidas de que destacamos a criação de videovigilância nas estações de comboios, atribuição de viaturas à PSP e reunião do Conselho Municipal de Segurança com altas entidades com responsabilidade Governativa na área da Segurança.

Aguardamos com expetativa mas com serenidade os resultados da reunião e, nomeadamente, que o Ministério da Administração Interna adote medidas de reforço imediato dos meios policiais nas zonas urbanas do Concelho para manter a ordem pública.

 

A Presidente da Junta

Paula Alves       .